O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Baixa qualidade do sono aumenta as chances de hipertensão


Dormir é tão importante quanto exercícios e alimentação para controlar a pressão alta

A falta de sono profundo suficiente pode aumentar a pressão sanguínea, diz um estudo feito pela Harvard School of Medicine (EUA). De acordo com os cientistas, a qualidade do sono é o terceiro pilar para ter uma boa saúde cardíaca, ao lado da prática de exercícios físicos e uma alimentação balanceada.

Durante o estudo, 784 homens, com idade acima de 65 anos, tiverem a qualidade de sono analisada durante três anos. Além disso, exames para medir a pressão sanguínea foram feitos mensalmente.

No final do trabalho, os médicos perceberam que os participantes que dormiam menos de seis horas de sono profundo tinham aproximadamente 80% mais chances de ter hipertensão se comparados com os voluntários com boa qualidade de sono.

Eles acreditam que isso acontece porque é durante o sono que alguns hormônios são produzidos. Alguns deles são essenciais para que o coração e as artérias funcionem adequadamente.

De acordo com os autores do estudo, mesmo que as mulheres não tenham participado da pesquisa, elas também devem ficar atentas à qualidade do sono, já que a hipertensão também atinge o sexo feminino.

Fonte: http://www.minhavida.com.br/saude/materias/13773-baixa-qualidade-do-sono-aumenta-as-chances-de-hipertensao