O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Transtornos - Apneia Obstrutiva do Sono (AOS)

Imagem meramente ilustrativa web

O que é

Este é um transtorno em que as pessoas acometidas nem sempre tem consciência dele. É uma condição que pode ser muito severa, em que o paciente acorda superficialmente para respirar por até centenas de vezes durante o sono.

  Geralmente é o companheiro ou a companheira que se sente incomodado pelo ronco e pelos ruídos respiratórios e percebe que a pessoa tem pausas na respiração, seguidas de grandes puxadas de ar. A apnéia é definida pela ausência de respiração por um período de pelo menos 10 segundos.

 A AOS é responsável por grande número de mortes súbitas durante o sono e pela manhã. É mais comum entre os homens, embora possa ocorrer também nas mulheres e nas crianças. Quem sofre de AOS tem uma qualidade de vida ruim, além de maior chance de sofrer infarto do miocárdio e Acidente Vascular Cerebral (AVC ou "derrame"). A AOS está associada a pressão arterial elevada e a alterações na glicemia.

 Causas

A causa é obstrução das vias aéreas devido a várias condições. Entre elas destacam-se a obesidade e as condições desfavoráveis da arquitetura das vias aéreas superiores sejam elas muscular e/ou óssea. Geralmente o bloqueio do ar ocorre quando o tecido macio atrás da garganta (palato mole,base da língua) relaxa e se fecha durante o sono. Então o cérebro recebe sinais da baixa oxigenação e elevação do gás carbônico e a pessoa desperta para que possa respirar novamente e evitar danos. Isto acontece inúmeras vezes durante a noite e assim o sono é fragmentado e tem sua qualidade comprometida.

 Entre os sintomas estão o cansaço, a irritabilidade, a queda da libido, da concentração e do desempenho profissional, depressão, sonolência diurna, hipertensão arterial, Insuficiência cardíaca e ronco excessivo.A ingestão de alcool pode acentuar o problema, já que também provoca o relaxamento muscular dos tecidos da garganta e em consequência a passagem do ar.

Tratamento


O diagnóstico é feito por meio do exame da polissonografia, que irá determinar o tratamento mais indicado.Entre os tratamentos recomendados estão perder peso, cuidados gerais com as vias aéreas superiores, dormir de lado, uso de aparelhos ortodônticos, de cirurgias conforme ocaso ou o uso do aparelho CPAP (do inglês Continuous Positive Airway Pressure, Pressão Aérea Positiva Continuada).

 Fonte: http://www.fundasono.org.br/