O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Funcionário do Mês de Julho – Tadeu Souza Leão


O Funcionário destaque desse mês de Julho é Tadeu Judson de Souza Leão.


Tadeu é Enfermeiro de Fiscalização e Normatização no Setor de Educação Permanente. Atualmente com 32 anos, Tadeu está a 10 na Interne.

De origem simples e filho de mãe escrivã e pai vigilante, começou a trabalhar muito cedo por volta dos 12 anos com eventos e decorações. Foi instrutor de natação por dois anos e contou que sempre foi muito responsável, buscou muito cedo sua independência.

Com o passar dos anos percebeu que tinha uma predisposição para a área de saúde. A morte de um amigo próximo, o fez querer salvar vidas.

“Fiquei muito triste com a morte desse amigo, ele deixou sua esposa nova e três filhas, era uma pessoas muito próxima que me ensinou a lidar com equipamentos de som, hobby que tenho até hoje. Nas horas vagas gosto de dar um de DJ”, disse.

No segundo ano do 2º grau, Tadeu fez vestibular para a Universidade Federal de Pernambuco por experiência em odontologia e passou... Infelizmente, não pôde assumir a vaga, pois não tinha concluído o Ensino Médio. No terceiro ano, não obteve o mesmo êxito e foi reprovado.

Resolveu fazer um curso técnico profissionalizante, já que não passou no vestibular, enquanto isso fez vários testes vocacionais e todos levaram-no para aérea de saúde, escolhendo assim, fazer o curso de auxiliar de enfermagem na Escola São Caetano.

Fez sua complementação de auxiliar para técnico, no Colégio Americano Batista, o que lhe gerou aprofundamento em várias áreas: Nefrologia, UTI,Emergência, Oncologia, Instrumentação Cirúrgica e Laboratórios.

Logo foi convidado por um amigo que trabalhava na Interne na época e fazia especialização com ele, à colocar seu currículo.

Tadeu, foi contratado em 24h, inicialmente foi escalado para o setor da triagem, na época um setor bem complicado com apenas três pessoas, segundo ele.

Com o reconhecimento de seu trabalho, em dois meses foi promovido ao Fixo, setor responsável pelo equipamento de saúde da Interne.

Tadeu relatou ter muita dificuldade no início pela enorme demanda e diferentes funções que teve que executar nesta área, mas acredita que seu amadurecimento profissional foi bastante desenvolvido nesta época.

Em paralelo à Interne, Tadeu conseguiu uma vaga de Técnico do SAMU Jaboatão, com a introdução do SAMU metropolitano. Aprendendo assim, muito com APH e atendimentos pré-hospitalar, onde adquiriu segurança em assistência de enfermagem. Após um ano, com o inicio da seleção nacional da Motolância: serviço conduzido por um técnico socorrista em cima de uma moto prestando serviço com mais rapidez, Tadeu conseguiu a vaga.

“A Seleção da Motolância foi muito criteriosa e bem difícil, ficou somente quem tinha boa conduta, conhecimento técnico e teórico, foi administrada pelo Ministério da Sáude, junto à Polícia Rodoviária Federal, o que engrandeceu e foi o diferencial de qualidade e supervisão desta seleção, que revolucionou o serviço de pré-atendimento no Brasil; fiquei neste serviço até janeiro de 2013”, explica ele.

Na Interne, com o aumento das internações, as obrigações e funções operacionais aumentaram no setor do Fixo, após alguns anos ele teve a ajuda e colaboração do Gerente de Controle Antonio Pessoa, que mais tarde fora seu coordenador.

Tadeu sentiu que ser apenas técnico era insuficiente para seu crescimento e ficou na dúvida se queria fazer Fisioterapia ou Enfermagem, apesar de tantos trabalhos simultâneos, acabou optando por ser enfermeiro.

Em 2008 entrou na Faculdades Salgado e Oliveira – Universo, teve medo de não poder concluir, pois o curso era muito caro, mesmo com desconto do SAMU e Tadeu trabalhava muito, ficando sem tempo no seu dia a dia para realizar nenhuma outra tarefa.

No 7º período de Enfermagem já havia engrenando em duas pós-graduações “UTI e APH”. Felizmente conseguiu se formar em julho de 2012, sendo ainda laureado como uns dos melhore alunos de seu curso. Tadeu ainda está estudando em suas pós-graduações que acabam em Agosto de 2013 (mês que vem).

Voltando a sua vida profissional, em Setembro de 2012, foi convidado pela Diretora Executiva da Interne, Paula Meira para uma reunião que o promoveu à equipe da Educação Permanente.

“A Educação Permanente me acolheu de braços abertos, fui muito bem recebido pelos Gestores: A enfermeira Carolina Almeida, Dr. Jurandir Brainer e colegas de profissão como: Mércia Borba, Thaise Oliveira, Ana Paula Bernardo, Bruna Santiago e tantos outros que fazem parte desta família, estou muito feliz”, conta.

Tadeu encerra seu depoimento falando que só tem a agradecer a todos que fazem parte da Interne, que sempre o acolheu, orientou e fez a diferença na sua formação como pessoa e profissional.

“Em especial não posso esquecer de citar as pessoas que me conduziram à ser o profissional que sou hoje: A Dra. Paula Meira e Andréa Carvalho, pela oportunidades que sempre me deram. Mônica Ruiz, Antônio Pessoa, Thiago Phaelante, Severina Ferreira, Anamaria Meira Lins, Sheila Oliveira, Altair Régis... E muitos outros que passaram por essa empresa.  Digo e falo em voz alta, é um grande prazer fazer parte desta Família, Interne Home Care, tenho maior orgulho de crescer junto com ela e juntos fazermos a diferença”, conclui.