O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

A Importância da Adesão a um Programa de Gerenciamento de Pacientes Idosos com Doenças Crônicas na Manutenção da Qualidade de Vida e Promoção da Saúde

O artigo cientifico, "“"A importância da adesão a um programa de gerenciamento de pacientes idosos com doenças crônicas na manutenção da qualidade de vida e promoção da saúde”, foi feito por Cintia Pinto, Ruana Samira e Wyndira Marhalle, que fazem parte da equipe Interne Soluções em Saúde.  O artigo trata de uma realidade atual na qual o tema abordado tem o objetivo de mostrar e informar o quanto é importante programa de gerenciamento de pacientes crônicos de um home care da cidade do Recife (Interne), enfatizar os benefícios prestados aos pacientes que aderiam ao programa.


PINTO, C. M. S.¹; LIMA, r. S.²; E.VENÂNCIO, w. M. s. n.³


Os avanços da medicina permitiram um crescimento mais significativo dos idosos, pois, segundo o IBGE a população brasileira tem envelhecido e que o ritmo de crescimento dos idosos com idade elevada tem sido mais intenso, doenças na fase adulta são devido a doenças degenerativas do envelhecimento.

O estudo tem como objetivos: divulgar o programa de gerenciamento de pacientes crônicos de um home care da cidade do Recife, enfatizar os benefícios prestados aos pacientes que aderiam ao programa, esclarecer as ações realizadas pelo programa, incentivar a importância da adesão ao programa aos pacientes que ainda não aderiam a este.

Metodologia: O trabalho se caracteriza como um estudo descritivo realizado em um home care da Cidade do Recife, baseado nas atividades desenvolvidas por um programa de gerenciamento de doenças crônicas em pacientes idosos.

Resultados: As ações são iniciadas após visitas domiciliares (presenciais) e tele monitoramento, as quais serão realizadas preliminarmente por enfermeiras objetivando identificar e classificar cada beneficiário de acordo com seu perfil de morbidade. Posteriormente elabora-se um plano de cuidado o qual é prestado por uma equipe multiprofissional composta por enfermeiros, médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos nutricionistas e educação continuada, incluindo guias de procedimentos e orientações, baseado em protocolos, diretrizes e grau de complexidade do caso, prestados 24 horas. É programa de prevenção e gerenciamento de doenças crônicas, buscando soluções efetivas para os problemas e desafios da saúde, procurando a longevidade com qualidade de vida.Os benefícios abrange desde a prevenção e/ ou  retardo dos  agravamentos, direcionando o  cuidado mais apropriado prestado por equipe multiprofissional capacitada, tendo como conseqüência também a o controle de custos tanto para a família quanto para os planos de saúde. Uma vez que diminui as hospitalizações e a incidência de visitas à emergência. Logo, promove a Saúde estimulando mudanças nos hábitos de vida. Por meio de ensinamentos quanto ao o auto-monitoramento e o auto-cuidado, além de gerenciar os fatores de risco além de ensinar a viver Melhor Através de um reeducação alimentar e um acompanhamento sistemático com a equipe multidisciplinar. Segundo a OMS, adesão ao tratamento "“"é a medida com que o comportamento de uma pessoa - tomar a sua medicação, seguir a dieta e/ ou mudar seu estilo de vida - corresponde às recomendações de um profissional de saúde.” De acordo com estudo da OMS, a adesão ao tratamento é uma ferramenta fundamental para o gerenciamento de doenças crônicas: "“"melhorar a adesão ao tratamento pode ser o melhor investimento para gerenciar as condições crônicas de maneira efetiva."

Considerações finais: A questão da adesão ao tratamento deve ser abordada de um ponto de vista multidisciplinar, onde o paciente tem um papel importante a exercer. Logo, conclui-se que programas oferecidos a pacientes com doenças crônicas melhoram a saúde dos mesmos e reduzem a utilização e custos do sistema de saúde.


English version