O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

DICA CULTURAL DA INTERNE: Lazer também é saúde!

Acontece hoje no Porto Mídia lançamento do livro de Paulo Sultanum sobre bicicletas!


Com o nome “Pernambuco Correia Virada’’, a publicação explora a plasticidade, a apropriação popular e a relação dos usuários com as bikes.

O fotógrafo Paulo Sultanum lança nesta terça-feira (22/09) o livro “Pernambuco Correia Virada”, um registro do uso das bicicletas em Pernambuco.  Com curadoria do pesquisador e também fotógrafo José Afonso Júnior, a publicação explora os eixos plástico e documental, a apropriação popular, a relação dos usuários com o ambiente, a cidade, o trabalho, a família, o dia-a-dia. O livro traz ainda textos do arquiteto e urbanista Cristiano Borba e da jornalista Iara Lima, também responsáveis pelo trabalho de pesquisa. O lançamento acontece, às 19h, no Porto Mídia, no Bairro do Recife.

Após, o lançamento no Portomídia, eventos itinerantes sobre o livro serão realizados em grupos e instituições ligados à questão da mobilidade urbana.  Nesta terça (22), o livro será vendido em dinheiro ou em cartão por R$ 50,00. Em seguida, estará à venda na Livraria Cultura, Galeria Arte Plural, Centro Capibaribe da Imagem, Iraq, Casa das Máquinas e Livraria da Jaqueira por 60,00.

O livro, com 144 páginas, documenta a rotina de personagens desconhecidos e dos diferentes usos para a bicicleta. As fotos foram feitas entre os anos 2010 e 2011 nas cidades do Cabo de Santo Agostinho, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Camocim de São Félix, Moreno, Nazaré da Mata, Paudalho, Vitória de Santo Antão, Carpina, Camaragibe, Abreu e Lima, Sairé e Bezerros.

“Pernambuco Correia Virada” convida o leitor a uma viagem colorida na vida de anônimos. O resultado dessa experiência foi condensado em um projeto gráfico delicado e, ao mesmo tempo, arrojado que traduz a experiência que o pesquisador vivenciou ao longo de dois anos.

A bicicleta não é só um meio de transporte. Como a fotografia, é também um meio de comunicação e expressão. À medida que se desloca, leva e traz, imprime o registro das subjetividades que colocam em cena o corpo, a expressão individual e a conexão com o coletivo de quem a usa. Assim como um clique após o outro, que não só registra o mundo, mas revela muito a respeito de quem fotografa; pedalada após pedalada, o que a bicicleta carrega sobre duas rodas não é apenas o seu dono. Na junção de duas pernas, dois braços, dois olhos, um quadro, pedais e guidão, temos o ciclo do usuário traduzido em forma de correia: uma correia virada.

HISTÓRICO – Paulo Sultanum desde criança, é um usuário regular e diário de bicicletas. A ideia de realizar as fotos, ainda não em formato de livro, surgiu em San Francisco, Califórnia, Estados Unidos – atual local de residência do fotógrafo. Sendo uma cidade há muito tempo ligada ao uso da bicicleta, foi em Marine County cidade vizinha a San Francisco dos anos 1970 onde nasceu o Moutain Bike e, mais recentemente, também o Critical Mass: a Massa Crítica, movimento atuante em mais de duzentos países vinculando o ciclismo à luta política e defendendo o uso da bicicleta como catalisador de mudanças no espaço urbano.


SERVIÇO:

Lançamento do livro Pernambuco Correia Virada, Paulo Sultanum (fotos) e José Afonso Júnior (curadoria)

Data: 22 de setembro de 2015, às 19h

Local: Portomídia – Porto Digital (R. do Apolo, 181 – Bairro do Recife, Recife/PE – Brasil)


Lembre-se que lazer também é saúde!


INTERNE