O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Conheça a importância da nutrição funcional na adolescência

Muito se fala na nutrição aplicada a todas às fases da vida, mas, e na adolescência, fase em que tudo acontece? Entenda o quão importante é nutrir individualmente um corpo em transformação.

A adolescência é definida pelo período de transição entre a infância e a vida adulta e é caracterizada pelas etapas evolutivas e intensas de crescimento e desenvolvimento, com aumento de massa muscular e aparecimento dos caracteres sexuais secundários. Trata-se de um período de vulnerabilidade nutricional e os principais “distúrbios” neste grupo são a desnutrição, anemia por deficiência de ferro, deficiência de vitaminas e outros minerais, obesidade e fatores de risco para doenças cardiovasculares.

O crescimento e as mudanças fisiológicas relacionadas à puberdade levam à alterações das necessidades nutricionais. A alimentação insuficiente ou inadequada desta fase pode retardar estes processos e a maturação sexual. Ainda há o aumento de quase todos os órgãos e segmentos corporais, sendo aproximadamente 20% de estatura e 50% de peso ganhos neste período. Já a multiplicação celular em equilíbrio com o incremento funcional presente nos tecidos ou sistemas ocorrem em ritmo diferente para cada um deles, caracterizando o processo individual de crescimento e mudanças corporais. A maturação completa do crescimento só se dá por volta dos 20 anos de idade, quando incia-se a fase adulta.

Por tudo isso, a alimentação na fase adolescente é muito importante e deve ser equilibrada e variada como no quadro abaixo:

Alimentos

Macro/micronutriente Função

Arroz integral, raízes (aipim, batata doce, inhame), frutas

Carboidratos

Fornecer energia às células do corpo.

Peixe, frango, carnes e ovos

Proteína

Participar da formação de enzimas e hormônios. A necessidade proteica está diretamente ligada ao crescimento de novos tecidos e por isso tem grande importância nesta fase da vida.


Peixe, ervilha, farinha de aveia, ovos

Fósforo

Participar das reações de produção de energia, formação de ossos e dos dentes, crescimento, construção e reparação dos tecidos.


Abacate, acelga, frango, ovo, peixe, feijão preto

Magnésio

Participa do metabolismo de energia e proliferação celular, que é fortemente observada nesta fase.


Vegetais de cor verde escura (bertalha, espinafre, brócolis, couve…), melado de cana, leguminosas (lentilha, ervilha, grão de bico…)


Ferro

Durante a adolescência há um aumento na necessidade de ferro devido à expansão do volume plasmático, crescimento e ganho de massa muscular.

Mariscos, peixes, aves, carne de boi, amendoim, nozes, cereais integrais

Zinco

Essencial para a função imunológica e informação genética.

Algas, peixes, crustáceos, lentilhas

Iodo

Essencial por participar da regulação do metabolismo, crescimento e desenvolvimento, estimulando a síntese proteica, transcrição do hormônio de crescimento, proliferação de neurônios, regulação da função cerebral.

Vegetais de folhas verdes

Ácido fólico

Importante durante o período de grande replicação celular e crescimento.


Gema de ovo, vegetais folhosos, queijos, manteiga

Vitamina A

Importante para o crescimento linear e maturação sexual.


Atum, sardinha, ovo Vitamina D

Age no metabolismo do cálcio, do fósforo e na mineralização óssea.


E é sempre importante lembrar que cada corpo tem suas necessidades específicas e só um profissional capacitado pode identificar quais são elas.

Fonte: http://patriciadavidson.com.br/conheca-a-importancia-da-nutricao-funcional-na-adolescencia/