O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Eu Me Amo & Cuido de Mim| O que é o Alzheimer?







Uma doença degenerativa que atinge cerca de 35,6 milhões de pessoas em todo o mundo, e somente no Brasil existe 1,2 milhão de portadores, a maioria deles sem diagnóstico. O Alzheimer é uma condição que não tem cura, se agrava ao longo do tempo, mas pode e deve ser tratada com toda atenção e cuidado. A maioria das vítimas são idosos, e por isso a enfermidade ficou erroneamente conhecida como esclerose ou caduquice.

O nome “Alzheimer” faz referência ao doutor Alois Alzheimer, o primeiro a reportar a doença em 1906. Ele estudou e publicou o caso de August Deter, sua paciente, uma mulher saudável de 51 anos que acabou se tornando incapaz de cuidar de si com o desenvolvimento da demência. Após a sua morte, o Dr. Alzheimer estudou o seu cérebro e descreveu as alterações que hoje são características.

No geral, apresenta-se como a perda de funções cognitivas (memória, orientação, atenção e linguagem), causada pela morte de células cerebrais. Quando precocemente identificada, é possível retardar o seu avanço e ter maior controle dos sintomas, garantindo a qualidade de vida ao paciente e toda sua família.

Não se sabe por que a doença ocorre, mas algumas lesões cerebrais são características dessa doença. As duas principais alterações que se apresentam são as placas senis decorrentes do depósito da proteína beta-amilóide, anormalmente produzida, e os emaranhados neurofibrilares, fruto da hiperfosforilação da proteína tau. Outra alteração observada é a redução do número de neurônios e sinapses.

A Dra. Lilian Cordeiro, coordenadora médica dos programas FiqBem e DurmaBem da Interne Soluções em Saúde, acrescenta a necessidade de tratar essa doença com cuidado, e também lembra da necessidade de um diagnóstico preciso: “o Alzheimer é um tipo de demência, a mais frequente, porém existem outros tipos, inclusive quadros demenciais reversíveis. Dessa forma, a avaliação médica se faz necessária para um correto diagnóstico diferencial, e o tratamento seja o mais específico possível”, afirmou.

O FiqBem é um programa de prevenção e gerenciamento de doenças, que tem por objetivo proporcionar aos nossos clientes - indivíduos ou empresas - meios e recursos que tragam soluções efetivas para seus problemas e desafios de saúde. O Alzheimer é uma das enfermidades tratadas pelo programa, que está à sua disposição 24 horas por dia o ano todo, com uma equipe multidisciplinar experiente e bem treinada.