O conteúdo desta página requer uma versão mais recente do Adobe Flash Player.

Obter Adobe Flash player

Nutricionista da Interne alerta como manter a alimentação saudável no São João!

A profissional aproveita – o período junino – para fazer recomendações importantes sobre o consumo exagerado na hora da alimentação, além de outras dicas importantes sobre a iguaria.


Festa popular do mês de Junho, o São João também é conhecido pela gastronomia típica. Com isso, reúne uma série de tentações como milho verde, pamonha, maçã do amor, canjica, pé de moleque, bolo de milho, dentre outras.

Em meio a tantas delícias, como escolher os melhores alimentos e evitar abusos?

Sabe-se que é muito difícil resistir as delicias das festas juninas. Porém, é preciso ficar de olho nas comidas e quantidades ingeridas. Deve-se ter cuidado com a qualidade do alimento e com as condições de higiene, pois a maioria desses alimentos acaba estragando com mais facilidade.

A maioria desses alimentos está associado a elevadas calorias e por possuir alto teor de gorduras que não fazem bem a saúde, pois geralmente estão cheios de sódio (sal), margarina, açúcar ou leite condensado. Devido a presença desses ingredientes, maiores são as chances de desenvolver problemas de saúde como colesterol alto, obesidade, aumento da glicemia e da pressão arterial.

Para curtir os festejos sem se preocupar, seguem algumas dicas de alimentos saudáveis para ser consumido nas festas juninas:

O milho cozido/assado é considerado a opção mais saudável da festa junina. Tem em sua composição fibras, ferro, potássio e vitaminas A e C. Ele contém cerca de 130 kcal por espiga. Evite a manteiga e o sal, que podem torná-lo nada saudável.

A pipoca é rica em fibras, polifenóis, além de proporcionar saciedade. O melhor preparo é estourar as pipocas na panela com pouco óleo, e evitar as de microondas, pois possuem muitos condimentos, gordura vegetal e sódio.

O amendoim é uma ótima fonte de Vitamina C, potássio, magnésio, ferro, fibras e gorduras benéficas para o coração.

O vinho é excelente, se consumido em quantidade moderada, pois protege o coração das doenças cardiovasculares devido a presença de flavonóides e resverastrol. É uma bebida com poder antioxidante que combate os radicais livres e aumenta o HDL (colesterol bom).

Deve-se atentar com alguns alimentos que podem causar possíveis riscos a saúde:

Cocada é composta de coco, açúcar, água e leite condensado. O problema está na grande quantidade de açúcar presente nesse alimento. Deve-se ter cuidado com a quantidade ingerida.

Aos apaixonados pela canjica, pode aproveitar o beneficio do milho, mas deve ficar atento a quantidade calórica e ao elevado teor de gordura.

O pé de moleque e a paçoca mesmo sendo derivados do amendoim, contém grandes quantidades de calorias, açúcar e gorduras. Devem ser consumidos moderadamente.

Algumas misturas de milho, como pamonha e bolo de milho, mesmo possuindo os benefícios do milho, devem ser consumidos com moderação, pois em sua preparação apresentam muitas calorias. Apesar de serem saborosos, esses pratos são ricos em gorduras e tem excesso de açúcar.

Então segue algumas dicas para preparar de forma mais saudável e consumi-los sem medo:


Substituir o leite integral pelo desnatado;

Substituir a farinha branca pela integral;

Usar o adoçante natural no lugar do açúcar refinado;

 Acrescentar linhaça, aveia, canela em pó e cravos nas preparações doces.


Com essas dicas ajudamos a reduzir os prejuízos a saúde e aproveitar de maneira saudável todos os festejos juninos.